Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O poeta é um fingidor!

by Carla, em 25.09.05
«O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.

E os que lêem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.»


Fernando Pessoa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:10


Urgentemente!

by Carla, em 25.09.05

DSCN0018blog.jpg 


 


«É urgente o amor.
É urgente um barco no mar.

É urgente destruir certas palavras,
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos,
muitas espadas.

É urgente inventar alegria,
multiplicar os beijos, as searas,
é urgente descobrir rosas e rios
e manhãs claras.

Cai o silêncio nos ombros e a luz
impura, até doer.
É urgente o amor, é urgente
permanecer.»


Eugénio de Andrade (1923 - 2005)


 








 


 


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:06


Tempo

by Carla, em 20.09.05

A cidade escura
o olhar perdido
a saudade que perdura
o tempo esquecido.


 
Tudo gira á minha volta
é uma grande confusão
este sentimento de revolta,
aperta-me o coração.


 
    a lua ilumina a estrada
longe vai o pensamento
caminho encantada
ainda com as palavras daquele momento


 


penso no dias em que me fizeste parar
e chorar , chorar...
com as frases que nunca consegui esquecer
no fogo que arde em mim, mas sem se ver!


Lunática

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:47


Cansei-me

by Carla, em 20.09.05

 


 


sesimbra3.jpg


 


Ao fim de 8 meses cansei-me de ouvir dizer: a vida é mesmo assim, ela tinha de partir estava doente.
Mas ni nguém entende o que é chegar a casa e não a ver a sorrir não ouvir perguntar como foi o dia,
se eu estou bem e aquele lanche ai aquele lanche.
Nada apaga a presença, e ela está em todo lado nas fotos, no ambiente, numa lágrima que derramo, está em todo lado!
Adoro-a Hoje Amanhã Sempre.


 


Lunática

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:39


Para alguém especial...

by Carla, em 15.09.05

sesimbra1blog.JPG


 


Hoje é um dia especial, porque alguém especial faz anos, uma amiga daquelas que não se encontram em qualquer lugar, uma pessoa com um coração do tamanho do mundo!
Porque é que escrevo sobre ela? Porque atravessa um momento menos bom, mas continua a ser uma pessoa especial, e por isso mesmo a amizade tem de ser nos bons e nos maus momentos, já rimos já chorámos já partilhámos promoções no trabalho!
Agora partilho com vocês, o quanto vale esta amizade!
Para ela um Beijo e um abraço de Parabéns, sorri!


 


Lunática


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:57

sesimbra2blog.JPG


Para ajudar os indecisos aqui fica:


«Não te amo


Não te amo, quero-te: o amor vem d'alma.
E eu n'alma --- tenho a calma,
A calma --- do jazigo.
Ai! não te amo, não.

Não te amo, quero-te: o amor é vida.
E a vida --- nem sentida
A trago eu já comigo.
Ai! não te amo, não!

Ai! não te amo, não; e só te quero
De um querer bruto e fero
Que o sangue me devora,
Não chega ao coração.

Não te amo. És bela; e eu não te amo, ó bela.
Quem ama a aziaga estrela
Que lhe luz na má hora
Da sua perdição?

E quero-te, e não te amo, que é forçado,
De mau, feitiço azado
Este indigno furor.
Mas oh! não te amo, não.

E infame sou, porque te quero; e tanto
Que de mim tenho espanto,
De ti medo e terror...
Mas amar!... não te amo, não.»


 


Almeida Garrett Folhas Caídas



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:15


...

by Carla, em 06.09.05

DSCN0012blog.JPG


 


Filarmónica Gil



"Tenho livros e papeis espalhados pelo chão.
A poeira duma vida deve ter algum sentido:
Uma pista, um sinal de qualquer recordação,
Uma frase onde te encontre e me deixe comovido.

Guardo na palma da mão o calor dos objectos
Com as datas e locais, por que brincas, por que ri
E depois o arrepio, a memória dos afectos


Mmmmmm Que me deixa mais feliz.



Deixa-te ficar na minha casa.
Há janelas que tu não abriste.
O luar espera por ti
Quando for a maré vasa.


E ainda tens que me dizer
Porque é que nunca partiste...

Está na mesma esse jardim com vista sobre a cidade
Onde fazia de conta que escapava do presente,
Qualquer coisa que ficou que é da nossa eternidade.


Mmmmmmm Afinal, eternamente.

Deixa-te ficar na minha casa.
Há janelas que tu não abriste.
Deixa-te ficar na minha casa.
Há janelas que tu não abriste.

O luar espera por ti
Quando for a maré vasa.
E ainda tens que me dizer
Porque é que nunca partiste..."


João Gil, Rui Costa e Nuno Norte

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:04


Olá

by Carla, em 06.09.05

DSCN0053 blog.JPG


 


Olá amiguitos voltei, tive umas férias excelentes com muito descanso e diversão.
Espero que estejam todos bem, já vi que passou por aqui pessoal obrigado pelos comentários, vou seguir os conselhos.


Becitos


 


Lunática

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

subscrever feeds



calendário

Setembro 2005

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930