Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Outro Lado

"I knew all the rules but the rules did not know me..." Uma viagem que se inicia em 2004 e passa por várias transformações, da poesia, à prosa a uma partilha de experiências, atreve-te!

O Outro Lado

"I knew all the rules but the rules did not know me..." Uma viagem que se inicia em 2004 e passa por várias transformações, da poesia, à prosa a uma partilha de experiências, atreve-te!

O meu castelo

02.06.08, Carla

By Ricardo

 

Tenho a base de um castelo, tenho as pedras e o cimento, falta-me começar a construi-lo preciso colocar a primeira  pedra e todas as outras até estar firme. Como qualquer castelo não estará totalmente seguro, mas será com toda a certeza melhor do que a 'masmorra' onde vivo e em que cada dia há um motivo diferente pra tornar o serão insuportável. Principal razão? Dinheiro, afinal quem move alegrias e tristezas, discussões e afins, senão ele mesmo o dinheiro! E o que ganhámos com isso? Nada é um vazio completo porque tudo a nossa volta deixa de fazer sentido e todo o castelo que construímos é destruido num segundo, não quero este exemplo para mim. O fim de semana foi demasiado perfeito, tal como estes  quase 3 anos, meu anjo colocamos a 1ª pedra?

 

Amo-te muito,

Carla

Dia 1...

02.06.08, Carla

                                     Fonte: www.buscatematica.net/imagens/crianca-2.jpg

 

 

Dia um de Junho, o facto de ser dia da criança deveria ser suficiente para ser um dia especial. Quando nos dias que ocorrem os opostos se acentuam, com muitas crianças com tudo e outras com tão pouco...

O significado deste dia é completamente diferente do que para qualquer criança que não teve a sorte que eu tive, ou que tu tiveste. Sim porque eu ainda sou uma criança, e sabem porquê? Porque a criança é tão genuina na sua perfeição que não tem defeitos, tem um sorriso simples e é demasiado verdadeiro para o criticarmos mesmo quando diz o que não deve. Se todos fossemos um bocadinho crianças e mundo seria melhor, porque sorrir, abraçar e dizer-te amo-te não faz mal nenhum...

 

 

Beijos,

Carla Ferreira