Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Outro Lado

"I knew all the rules but the rules did not know me..." Uma viagem que se inicia em 2004 e passa por várias transformações, da poesia, à prosa a uma partilha de experiências, atreve-te!

O Outro Lado

"I knew all the rules but the rules did not know me..." Uma viagem que se inicia em 2004 e passa por várias transformações, da poesia, à prosa a uma partilha de experiências, atreve-te!

O tabu- afinal isto é a dois...

03.09.20, Carla

108202553_10218310299729966_9029992041837131697_o.

Para muitos é tabu, é o lidar com as perguntas indiscretas, com as comparações , ao ponto de te sentires completamente inútil, para o propósito que supostamente te colocaram no mundo.

Mas este texto é muito mais do que é isso, é uma ajuda para quem lida com isto e acima de tudo é uma história de amor na sua imperfeição.

O percurso começa de uma forma simples, casas e esperas constituir familia, mas o tempo passa e isso simplesmente não acontece, de diagnóstico errado, a diagnóstico lá vais andando, dor fisica e dor psicológica, medo quando ouves o diagnóstico. Endometriose profunda, 5 anos para descobrir.

Pelo meio vêm os comentários indiscretos, as comparações e o discurso típico do estás a ficar velha.  Tudo é colocado em dúvida e o casal tem de ter a capacidade de se reinventar.

Apesar de sermos levados pela importância de constituir família a verdade é que existe um projeto a dois, antes de ser a três ou a quatro, existe amor!

E sei  que nem sempre o amor resiste a isto tudo, sim porque se a mulher sofre, o homem também, somos humanos, temos sonhos, objetivos.

Mas a história é a dois, antes de qualquer coisa e se há dois momentos únicos nas nossas vidas é o primeiro a 20/01/2006 e no dia 10/10/2015 a expressão, na saúde, na doença ganha a verdadeira dimensão. 

E é aqui que tudo fica mais simples, quando as coisas são partilhadas, quando decides viver o que tens no presente e aceitar, sim estar em paz.

Se estás a ler isto abraça a tua companheira/o, escuta o seu coração e lembra-te a importância do conceito dois e vive o momento, se tiveres de lutar, que seja a dois, não façam este caminho sozinhos. E quando se sentirem preparados partilhem com mais pessoas, o caminho fica mais leve, ignorem os que tenham pena e deixe-se abraçar pelos que compreenderam a vossa escolha!

E tudo será superado, quando deixarem de suspender o tempo e viverem.

Carla